Nova regra para líquidos do Aeroporto de Guarulhos

Nova regra para líquidos do Aeroporto de Guarulhos

A partir do dia 3 de fevereiro de 2020 o Aeroporto de Guarulhos em São Paulo estará utilizando a nova regra para embarques com líquidos na bagagem de mão.

Até o momento os limites de itens líquidos permitidos na bagagem de mão eram baseados no país de desembarque quando os voos saiam de GRU (Guarulhos) e na volta se baseavam no aeroporto de embarque.

aeroporto-guarulhos-clb

Não me lembro de ter essa rigidez quando embarcava para voo nacional, por exemplo.

Isso mudou.

Agora para embarque em GRU você precisará respeitar o estipulado em outros aeroportos do mundo.

Os limites são:

Líquidos – o vasilhame que estiver com o líquido não pode ultrapassar 100ml;

Quantidade – o máximo que pode ir na mala de mão são 10 unidades com 100ml cada;

Como armazenar – os líquidos devem permanecer em bolsa transparente fechada (zíper, bolsas estilo ziplock e etc) de forma que haja mobilidade entre os itens (não pode estar estourando o ziplock rsrs).

liquidoPermitido

Isso vale para líquidos, géis e aerosois e só é permitido uma embalagem com 10 itens de até 100ml por passageiro.

Atenção: Ficam excluídos dessa regra remédios para o uso individual acompanhado da receita médica e alimentos para bebês ou dietas especiais em quantidade específicas para o embarque e desembarque no destino final.

A maior controversa até o momento é em relação aos itens comprados no Free Shop. Eles também serão afetados por essa mudança.

Liquidos-voo-internacional

Com a nova regra tudo que você comprar no free shop do embarque que não esteja de acordo com essa regra será descartado caso você tenha uma conexão e precise passar pela segurança do aeroporto denovo.

Segurança do aeroporto é aquela fila ótima onde a gente precisa retirar os líquidos, notebooks, relógios e as vezes até o sapato para passar no raio x.

O mesmo serve para o embarque em Guarulhos para qualquer destino.

Um exemplo para facilitar: se você comprar um perfume com 100ml no Duty Free Buenos Aires, mas já possuir em sua mala 10 itens com 100ml cada e irá precisar passar pela segurança e fazer sua conexão para Brasília, terá que descartar algum dos seus itens.

Isso piora um pouco quando a gente pensa que muitas pessoas compram bebidas alcóolicas nos Free Shop.

Restrições

Essas regras valem para quem irá embarcar ou fazer conexões no Aeroporto do Guarulhos em que seja necessário passar pelo controle de segurança do aeroporto.

Fique atento (a) quando for organizar sua mala de mão, por exemplo desodorantes sólidos, daqueles que a gente gira um botão e ele vai saindo não são considerados para essa regra, talvez seja uma opção mudar do aerosol para esse tipo.

Passei por isso quando viajava de Londres para os Estados Unidos no aeroporto Heathrow, me deram um mini ziplock e tudo líquido meu deveria caber nele. Me segue lá no Instagram que tem nos destaques minha revolta hahaha.

Qualquer dúvida que você ainda tenha, ligue na sua cia aérea ou para o atendimento do Aeroporto de Guarulhos e verifique se você irá fazer conexão ou embarcar lá.

Acredito ser pessimista com o que você vai ler a seguir, mas é uma possibilidade: essa regra irá ser implementada em mais aeroportos pelo Brasil. Além de ser um padrão internacional a mudança busca forçar mais lucro para os as lojas dos terminais brasileiros.

Esse último paragráfo é totalmente minha opinião.

pinit_fg_en_rect_red_28

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!