received 246742596071381 01 scaled

Cachoeira do Bicame – Trilha em Minas Gerais

A Serra do Cipó, no estado de Minas Gerais é um dos lugares mais bonitos e com a natureza mais exuberante que já conheci, porém é difícil expressar o encantamento que eu sinto pela cidadezinha de Lapinha da Serrae pela Cachoeira do Bicame.

Lapinha da Serra

Lapinha da Serra é um distrito de Santana do Riacho, com estrada de terra que em geral não exige muito dos carros. A cidade é bem pequena e telefone celular não funciona. Alguns locais oferecem wi-fi.

mapa lapinha da serra

Para chegar a Lapinha saindo de Bh você deve pegar a MG010 até passar da ponte onde passa um carro de cada vez, depois há uma rotatória com placas indicativas, pegue a saída para Santana do Riacho e ande por mais 20 KM.

Chegando a Santana você deve seguir até a praça da igreja, virar à esquerda (passar em frente à igreja) e depois à direita, seguir essa rua até acabar o asfalto.

A estrada para Lapinha fica à direita e depois disso é só ir reto. Em média uma hora até o centrinho da cidade.

mapa caminhada bicame
Mapa da caminhada

Atualmente há um posto de combustíveis em Santana (na primeira que fomos tivemos que recorrer aos vendedores informais), aconselho a completar o tanque antes de seguir viagem.

20180520_103119

Cidade pequena, com uma igrejinha no centro e em geral tudo acontece por ali mesmo. Os campings e pousadas estão um pouco mais espalhados e é bom você confirmar endereços e principalmente pontos de referência.

Acomodações em Lapinha

Dessa vez ficamos num contêiner (sorte, pois choveu)! Foi uma experiência bem bacana, espaço bom e agua quente para o banho.

20180520_103200

Saímos cedo em direção a Cachoeira do Bicame, uma das faltava conhecer. A visitação é limitada, apenas 30 pessoas por dia, por isso saia cedo.

Caminho para Bicame

mapa cachoeira do bicame 1

Com um carro comum devemos voltar a estrada e ir uns 2km no sentido contrario a Lapinha. Então na primeira porteira, você para o carro e começa a caminhada. Caso seu carro seja 4X4 ou esteja com moto de trilha é possível parar mais à frente, neste ponto da foto abaixo.

20180519_090639

Acredito que esse percurso que fizemos de jipe nos economizou uns 2 km.

Daí em diante é preciso continuar a pé, o caminho é mais amplo, conta com uma subida um pouco mais puxada e a próxima parada é no posto de identificação do Ibama, a cachoeira esta dentro de uma RPPN (reserva particular de patrimônio natural).

received_246742952738012-01.jpeg

Nesse ponto de identificação devemos assinar um termo, deixar nossos dados e inclusive o horário previsto de retorno. O atendente dá informações e dicas do percurso, oferece água direto da mina e vende uns pastéis e uma limonada que salvam os trilheiros sem preparo rsrs.

received_246743242737983-01.jpeg

Passamos pela próxima porteira e nessa parte a trilha fica mais difícil.

received_246742736071367-01.jpeg

Agora sim é uma trilha no meio do cerrado, com muitas pedras, algumas plataformas de madeira e sem sombra. A vegetação é rasteira e o vento forte.

33688781_1963200640422118_4038887507427852288_n

Do ponto de informação até a cachoeira são 5 km, sendo que quando você finalmente você vê a cachoeira depois de uma curva ainda falta 1 km até o poço e começa o pedaço mais difícil da trilha, uma descida com pedras.

received_246742972738010-01.jpeg

A cachoeira é maravilhosa, com a água meio marrom típica da região e bem gelada.

received_246742982738009-01.jpeg

Ao redor da queda d’água não há muito espaço para sentar ou deitar e onde tem é na pedra que não é das mais uniformes. Eu fiquei sentada na beirinha só admirando aquela maravilha, sem exageros é a mais bela que vi na vida.

received_246741346071506-02.jpeg

Levamos uma latinha de salada de atum pronta e Gatorade, infelizmente calculamos mal a água e ficamos sem para a volta. Por sorte contávamos com a água e os pastéis do ponto de identificação.

received_246742596071381-01.jpeg

A subida da cachoeira foi difícil, estávamos sem água, mortos com o percurso da ida e o sol das 14 horas na “muleira”.

agua lapinha camila latorre blog

Nossa sorte foi que uma família de trilheiros (a filha do casal tinha 10 anos) viu que estávamos à beira da morte (hahaha) e dividiu a água deles conosco. Agradeço demais vocês!

received_246743186071322478921297.jpeg
Passarela para evitar que pisemos na vegetação

Caminho de volta à Lapinha

Voltamos bem lentamente, parando em alguns locais no caminho e torcendo para ter forças até o carro. Paramos na casinha do Ibama e tomamos limonada e comemos pastel, tomamos água, enchemos nossa garrafa e descansamos uma meia hora ali.

porteira bicame camila latorre blog

Faltavam ainda 3 km até o carro e claro que para melhorar nosso caminho se formou uma chuva no horizonte. Ela nos alcançou, durou pouco tempo e não estava muito forte. Sorte!

20180519_150614

Quando eu vi o carro logo após uma curva, eu agradeci a Deus, a Zeus e todos os outros deuses do Olimpo. A impressão que dava é quando mais perto chegávamos mais longe o carro estava.

Foi superação, foi lindo, cansativo e nos ensinou muito.

23 Replies to “Cachoeira do Bicame – Trilha em Minas Gerais”

  1. Que lindo o lugar, é um lugar maravilhoso, Cachoeira do Bicame é um encanto é muito bom está perto da natureza, lindas , as fotos, que vontade de conhecer a Cachoeira do Bicame, quem for para Minas Gerais ou mora aí perto não pode deixar de conhecer esse lindo lugar, bjs.

  2. O lugar é lindo, a natureza é muito benéfica para nos conectarmos com o nosso Eu interior. Já ouvi falar em Serra do Cipó, mas não conhecia, vai para minha anotação de aventuras. Bjs

  3. Menina que aventura heim! Mais tenho certeza que valeu super a pena não é verdade? O local é lindo e acho incrível essa preservação com a natureza, assim mantemos ela como tem que está! Bela e maravilhosa como foi criada. Amei ver a sua aventura aqui ??‍♀️

  4. Havia visto seu post no instagram e estava louca para ver os detalhes. Simplesmente adorei. É o tipo de passeio que eu adoraria fazer.

  5. Que lugar lindo! Não posso ver uma cachoeira que já fico doida para conhecer! Moro pertinho de minas gerais e irei colocar este lugar lindo na minha listinha de lugares para conhecer! Amei

  6. Viajei na sua viagem através dessa leitura de tantas fotos maravilhosas e inspiradoras, nunca Visitei Minas Gerais mesmo tendo familiares la, e essa experiência do container foi bacana hein?!

  7. Que lugar lindo e essa cachoeira perfeita, pela caminhada e subidas que você fez deve ter sido mesmo cansativo, mas só pelas fotos já achei que foi gratificante. Passeio maravilhoso.

  8. A Serra do Cipó e suas cachoeiras maravilhosas! Lapinha sempre esteve no meu roteiro, agora vou fazer mais esforço pra ir lá… São Pedro viu que vocês estavam sem água e mandou a chuva, amiga! kkkkkkkkkkkk Adorei o post!

  9. Que lugar mais lindo, eu não conhecia. Minas e suas belezas <3 Já faz um tempo que não faço trilha, que saudade! Adorei as dicas.

Deixe uma resposta