Pensar em Atenas é pensar em viajar para o passado, mas a cidade é uma pérola cheia de brilhos modernos além dos antigos.

Voo pela Alitáilia

Estávamos na Itália e pesquisávamos o que daria para conhecer ali por perto, até que apareceu uma passagem pra Athenas por €50,00!

Aproveitamos que poderíamos marcar nossa passagem de volta saindo de lá para os Estados Unidos, teríamos que passar uns dois dias em Miami.

Compramos as passagens, pesamos nossas malas (até ano passado do Brasil para o exterior podíamos levar até duas malas de 32 kg, mas voos internos na Europa o limite era 23 kg e 10 kg a bagagem de mão) e decidimos ir!

Nosso embarque foi no aeroporto Fiumicino, tirando um atendente meio mala (licença para um trocadilho) correu tudo bem.

Chegando de madrugada

Chegamos de madrugada no aeroporto em Atenas e ficamos esperando umas duas horas para pegar o ônibus até Praça Syntagma, vários ônibus de toda a cidade passam por ela.

O transporte urbano é bem organizado, no próprio aeroporto você consegue informações de trajeto e o horário de ônibus, metrô e você também pode já pesquisar tudo por aqui.

syntagma-noite-clblog-300x169

ainda estava escuro quando descemos do ônibus

Compramos o passe por €5,00 cada e pegamos o X95 que saia a cada 15 minutos. Uma coisa que nós brasileiros não sabemos é que devemos fazer é validar o bilhete dentro do ônibus.

Caso você não valide seu bilhete, este não constará como usado e o fiscal poderá multá-lo, fica a dica para não ser xingado em grego e não entender nada hahahaha. O X95 foi o mesmo ônibus que pegaríamos na volta para casa.

Descemos na Praça e pegamos um trolley até a casa que havíamos reservado.

Caso você esteja viajando com mais pessoas, vale pensar num taxi ou uber, salvo engano os taxis cobravam 38 euros por 4 pessoas no taxi, mas é bom conferir sempre pois essas tarifas podem ser atualizadas.

Passando de ônibus pela cidade já vimos alguns dos pontos que visitaríamos a seguir, arco de Adriano foi um deles, fica bem numa grande avenida. Já dei até uma animada quando vi!

arco-de-adriano-camila-latorre-blog-300x224

o caminho ia nos deixando animados

Tentando chegar no Airbnb

Em nossas buscas pelo airbnb ou hotel, sempre que viajamos a optamos por um local que seja fácil a locomoção e não íamos alugar carro na Grécia!

Escolhemos um airbnb que ficava a 10 minutos do Parthenon andando, 10 M I N U T O S!

Era um apartamento com um quarto, sala, cozinha e banheiro, não tinha luxo, mas foi excelente por ser perto de todos os principais sítios arqueológicos.

Quarto-atenas-camila-latorre-blog-300x240

apartamento bacana e foi possível lavar roupas!

Uma dica a parte, sempre que for ficar no airbnb confirme pela mensagem o endereço completo do local.

Nós esquecemos de confirmar, chegamos super cedo na cidade, e ficamos perdidos na rua sem o número da casa hahahahahahahaha. Por muita sorte um morador da rua nos viu andado pra cima e pra baixo (era uma ladeira bem inclinada) com as malas e nos ofereceu ajuda!

Em inglês!

Ele nos deixou usar o wi-fi da casa dele! Cê acredita? Meu marido subiu no apartamento do bom senhor, usou a internet e pudemos ir pra casa enfim. Histórias pra contar!

DSCF3479-300x225

Subidinha legal com as malas rsrs

Nosso anfitrião era muito educado, não falava muito inglês (era fã de Paulo Coelho, imagina?), mas nos comunicamos. Tomamos um banho e cochilamos antes de começar o dia de exploração.

Em geral, quando viajamos, não pegamos pacotes para termos mais liberdade de escolha e economizar o máximo.

Com um pouquinho de pesquisa e minha ajuda aqui do blog, você também poderá aproveitar mais a sua próxima viagem.

Dados importantes:

  • Valor do airbnb R$196,00 pelos 3 dias;
  • Passagem Alitália R$ 205,73 somente ida por pessoa;

Até o próximo post!

pinit_fg_en_rect_red_28